quinta - 23 de janeiro de 2020
Cariri
Lucas Gonçalves / 3 de dezembro de 2019

Oposição entra com Ação Popular contra empréstimo de 80 milhões de dólares; Prefeitura alega que dinheiro servirá para retomada de obras

Foto: NoCaririTem

Por: Sávio Emanuel

Vereadores que compõem a oposição em Juazeiro do Norte encabeçaram ação popular nessa segunda-feira (02) contra o empréstimo milionário que a Prefeitura vai contrair. A procuração foi assinada por Glêdson Bezerra (PMN), Zé Barreto (PPS), Demontier Agra (PPL) e Jacqueline Gouveia (PRB).

O objetivo é anular a votação da Câmara realizada na última quinta-feira (28), que aprovou o projeto de Arnon Bezerra. O empréstimo é de 80 milhões de dólares, o equivalente a 336,8 milhões de reais na cotação atual.
Os parlamentares alegam que o processo correu desobedecendo o regimento interno da casa, visto que um requerimento de Tarso Magno (PRP), aprovado em sessão, pedia uma tomada de contas pelo Ministério Público, antes da apreciação do Projeto de Lei do empréstimo.

Demontier Agra ainda afirmou que existem falhas no Projeto de Lei, como a falta de explicações para a tomada do empréstimo. “A gente analisou diversos fatores, um deles é a falta de explicação no projeto, de como vai ser gasto este dinheiro, onde vai ser gasto, a ausência de um planejamento”, afirmou.

Em nota oficial, a Prefeitura de Juazeiro alegou que o dinheiro será aplicado em obras aguardadas há mais de 15 anos, como o saneamento básico. Lembrando que no mês de setembro, o município renovou seu contrato com a CAGECE, com a promessa de que quase meio bilhão de reais seriam investidos em saneamento.

Lucas Gonçalves

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Cariri.

SITE NOTÍCIAS - 2020 - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por UP Marketing Digital